segunda-feira, 4 de maio de 2009

Parabéns

Hoje, dia 4 de Maio, a minha irmã João celebra o seu aniversário. Para quem não nos conhece a João nasceu precisamente 23 meses depois de mim. E, como tantas vezes acontece entre os irmãos, é diametralmente oposta a mim. Para melhor, para muito melhor.
Enquanto eu era introvertido e tímido, a João era extrovertida e criava amigos com uma facilidade e uma agilidade alegre e confiante. Onde o meu olhar denunciava uma radical tristeza, o dela irradiava uma estonteante alegria de viver. Se os meus gestos revelavam uma prematura admiração pelos adultos e uma inconfessável busca pela sua aprovação, os dela expressavam a liberdade de tudo querer desafiar e de muito querer experimentar.
Os anos passaram e, numa vida erguida a pulso, sem as ajudas que nós, os outros três irmãos tivemos, superando dificuldades naturais e sociais, hoje, potenciou aquelas suas mais arreigadas qualidades e surge como uma verdadeira Mulher e Mãe, que a mim me orgulha, me apela à humildade e me obriga a uma sincero exame de consciência. Já lhe disse mais que uma vez e reafirmo aqui publicamente: João és a melhor de todos nós. Sem ti a nossa família não teria rumo, não teria futuro, não se sentiria tão segura. Feliz aniversário.

1 comentário:

nuno_mkt disse...

Estou proibido de fazer qualquer tipo de comentário neste blogge, no entanto não posso deixar passar em branco a data em questão.

Uma mulher sentimental, meiga, carinhosa, físicamente pequena e com pouca musculatura (apesar de ter sido uma excelente jogadora de basket no Académico) e aparentemente frágil na suas emoções. Na realidade, quando o povo afirma que as aparências iludem, têm mesmo razão.
É um exemplo para os irmãos, família e amigos, é a força de mulher, é a coragem de mãe.

Parabéns!

"Um braço vigoroso não é mais aguerrido contra a lança do que um braço frágil; são o caráter e a coragem que fazem o guerreiro."
(Eurípedes)