quarta-feira, 12 de agosto de 2009

De Regresso

Eis que estou de regresso: a casa e ao blog. Foram nove dias de descanso, de leituras e de muito dolce fare niente que também é preciso. Apesar da minha arreliante alergia ao sol, que me obriga a estar na praia de mangas compridas e permanentemente à sombra, não a consegui dispensar: chegar ao areal deserto pelas 8,30h, escutar o mar e as gaivotas (que gozam o seu domínio precário antes da chegada em turba dos humanos), saborear a sombra fresca proporcionada pelas belas falésias e sentir o odor intenso da maresia (também a há no Algarve) e mergulhar nas águas cálidas do oceano são prazeres que nenhuma alergia me conseguirá tirar. Foram dias de crescimento interior e aprofundamento relacional.
Aqui deixo algumas fotos da minha triste figura:

Da praia de Vale Centianes:

Da praia de Marinha:

E da Pousada de Estoi onde passei uma noite memorável e requintada:
O Algarve ainda é capaz de nos surpreender...

Depois destes dias digo com Sophia:

Eu em tudo Te vi amanhecer
Mas nenhuma presença Te cumpriu
Só me ficou o gesto que subiu
Às minhas longínquas fontes do meu ser.

Agora há que retomar lentamente o ritmo porque as forças estão retemperadas e prontas para os muitos e novos desafios que se avizinham.

1 comentário:

emilia disse...

Muito bem!Adorei tudo o que li e gostei das fotos.